Página Temática - Cidadão

12/03/2017 15:10

Feira Março Mulher realiza três mil atendimentos gratuitos

Cerca de três mil mulheres tiveram acesso gratuito a serviços de saúde, beleza, bem-estar e cidadania neste domingo (12), na Feira Março Mulher, realizada no Largo de Roma, na Cidade Baixa, em Salvador. A iniciativa das Voluntárias Sociais da Bahia (VSBA), em comemoração ao Dia Internacional da Mulher (8 de março), montou toda a estrutura necessária para atender o público, que superou a expectativa da organização.

Em razão da grande procura pelos serviços gratuitos de saúde, principalmente preventivos, as mulheres que não puderam ser atendidas durante o evento foram cadastradas e receberão, por telefone, as informações sobre a data de atendimento, que ocorre ainda no mês de março.

A feira ofereceu emissão de documentos como carteira de identidade (RG) e CPF, por meio do SAC Móvel, além de serviço de intermediação de mão-de-obra, com o Sinebahia. No espaço de saúde, profissionais realizaram aferição da pressão, medição de glicemia, pesagem e orientação nutricional.

O evento também disponibilizou serviços odontológicos, a exemplo de avaliação, restauração, extração, limpeza e entrega de kits de escovação. Os serviços incluíram ainda atendimento oftalmológico, com a entrega de 100 armações de óculos para quem apresentou, durante os exames, a necessidade do uso de lentes corretivas.


Foto: Mateus Pereira/GOVBA
(Foto: Mateus Pereira/GOVBA)

Saúde da mulher

Em parceria com as Voluntárias Sociais, o Hospital da Mulher realizou 280 mamografias e disponibilizou atendimento de mais de 20 médicos de diversas especialidades, como angiologista, ginecologista, cirurgia geral, cirurgia plástica e mastologista. Para mulheres como a empregada doméstica Márcia Maria Santos da Silva, o evento representou a oportunidade de ter acesso a diversos serviços em um único lugar.

"Há 18 anos, eu descobri que tinha um mioma e tenho a necessidade de uma cirurgia há alguns anos. Tentei muitas vezes uma consulta com especialista, mas era muito difícil. Hoje, fui atendida e consegui ser encaminhada para cirurgia. Estou muito feliz. A sensação é de que ganhei uma medalha de ouro nas Olimpíadas", contou Márcia.

Segundo o diretor-médico do Hospital da Mulher, Paulo Sérgio de Andrade, as mulheres que receberam o primeiro atendimento neste domingo (12) e precisaram de outros procedimentos serão acompanhadas pela unidade. "Estamos realizando não apenas as consultas e os exames de imagem e laboratoriais. Todas as pacientes são inseridas no sistema do hospital e vão continuar sendo atendidas nas suas necessidades para diagnóstico e tratamento".

Foto: Mateus Pereira/GOVBA
(Foto: Mateus Pereira/GOVBA)

Parcerias

Para a realização da feira, as Voluntárias Sociais estabeleceram parcerias com diversas secretarias estaduais, como a da Saúde (Sesab), do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi) e de Políticas para as Mulheres (SPM). Pensando no trabalho integrado, a SPM levou para o Largo de Roma o ônibus da campanha 'Respeita as Mina', de enfrentamento à violência contra a mulher.

"Trouxemos uma equipe multidisciplinar com psicólogos, assistentes sociais e orientação jurídica para acolher as mulheres que precisam destes serviços. O 8 de março é para lembrarmos da luta pelo empoderamento feminino e combate à violência contra as mulheres, que é constante e permanente em nosso estado", afirmou a secretária de Políticas para as Mulheres, Julieta Palmeira.

Repórter: Anna Larissa Falcão

Veja mais fotos aqui
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.