SAC Uruguai ganha novo posto do CrediBahia

04/07/2024

O SAC Uruguai, instalado no Bahia Outlet Center, na Península de Itapagipe, acaba de ganhar um posto de atendimento do Programa de Microcrédito do Estado da Bahia (CrediBahia), que vai facilitar o acesso de crédito para empreendedores da região. O CrediBahia vai se juntar a outras unidades de órgãos públicos que já oferecem serviços no SAC Uruguai como Detran, Instituto de Identificação Pedro Melo, Planserv, Ceprev e outros. 

Ao todo são 23 pontos para atendimento ao público, um ambiente de espera com 87 lugares, recepção, sala de reunião e outros espaços destinados à equipe de 51 funcionários. Também possui um espaço para vistorias de veículos do Detran,  realizadas em uma área externa de mais de 170 metros quadrados.

Inaugurado em janeiro deste ano, o SAC Uruguai tem capacidade total de 14.460 atendimentos por mês, em um espaço de mais de 740 metros quadrados. Já oferece serviços como emissão de RG, Certidão de Antecedentes Criminais, além de serviços como habilitação, emplacamento e transferência de propriedade do veículo e o trabalho de intermediação gratuita de mão-de-obra. 

O Posto SAC também oferta atendimento aos servidores públicos, aposentados e pensionistas do Estado, que poderão recorrer à unidade também para serviços do Planserv e Centro de Atendimento Previdenciário (Ceprev). O posto SAC funciona de segundo a sexta-feira, das 7h às 16h. 

CrediBahia - A inauguração do CrediBahia, na tarde de ontem (3), reforça a cartela de parceiros do SAC Uruguai, oferecendo mais comodidade para moradores da Península de Itapagipe, que possui 418 mil habitantes, distribuídos em 14 bairros: Uruguai, Boa Viagem, Bonfim, Calçada, Caminho da Areia, Mangueira, Mares, Massaranduba, Mont Serrat, Roma, Ribeira, Vila Rui Barbosa/ Jardim Cruzeiro, Lobato e Santa Luzia.  

O novo posto conta com dois balcões de atendimento e funcionará de segunda a sexta-feira das 08h às 16h. O CrediBahia é um programa do Governo da Bahia executado por meio da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre) em parceria com a Agência de Fomento do Estado da Bahia (Desenbahia) e Sebrae. O objetivo é o de financiar empreendimentos formais e informais da economia nas atividades de produção, comércio, serviços e agropecuária.

O superintendente da Economia Solidária da Setre, Wenceslau Jr., disse que a região do Uruguai é estratégica na capital, pois reúne público-alvo potencial para a linha de microcrédito. Até então, a capital baiana contava com apenas uma unidade do CrediBahia, na Posto SAC estação do metrô de Pituaçu.

“E a ideia é a gente estabelecer outros espaços, sobretudo nos bairros mais populosos, onde a economia popular e a economia solidária é forte, onde tem um número grande de pequenos e micro empreendedores, e o Uruguai é um desses bairros. O Uruguai é um polo têxtil  e em torno disso tem toda uma economia que pulsa. Nesse território também é forte a economia popular solidária, portanto, é fazer com que o CrediBahia chegue mais perto do povo aqui de Salvador”, disse o superintendente.

Atualmente, o CrediBahia possui postos em 220 municípios do estado e já beneficiou 90.127 empreendedores formais e informais com a liberação de mais de R$ 719 milhões de crédito.  A meta até o final de 2024 é a de liberar, somente este ano, R$ 65 milhões, considerando a expansão da rede CrediBahia ao longo do ano. Em 2023 foram negociados R$ 55 milhões através do programa em todo o estado.

A supervisora do CrediBahia em Salvador, Diva Apolônio, explicou que o programa tem como público-alvo empreendedores cujo faturamento anual não ultrapasse R$ 360 mil.

O programa oferece linha de crédito de até R$5 mil, na primeira operação, a R$ 21 mil nas demais. O prazo de pagamento é de quatro a 24 parcelas, com até seis meses de carência. Os empreendedores interessados no microcrédito orientado devem procurar a unidade do CrediBahia do seu município. Para saber mais, acesse o link: https://www.desenbahia.ba.gov.br/atendimento/microcredito-credibahia/ .

O financiamento contempla empreendimentos formais e informais com financiamento  para capital de giro, fixo e investimento misto, com juros de 2% ao mês ou de 1,8% no caso do CrediBahia Mulher. Além de juros mais baixos, não se exige toda a burocracia comum em outras linhas de crédito convencionais.

 

Fonte: Texto: Ascom Saeb/Setre - Foto: Fernando Udo - Setre Bahia.